Câmara aprova subvenção social de R$ 1.800.000,00 para a Santa Casa e R$ 40 mil para as escolas de samba

A Câmara Municipal de Angatuba realizou na tarde desta terça-feira, às 15 horas, sessão extraordinária para o debate e a votação dos Projetos de Leis 001/12 e 002/12, que dispõem sobre repasses de subvenções sociais para a Santa Casa, entidades filantrópicas e , ainda, verba para as escolas de samba. Sem debates, todos os vereadores presentes votaram pela aprovação de ambos os projetos. À esta sessão extraordinária faltou apenas o vereador Gustavo Turelli (PSDB).

Para a Irmandade da Santa Casa de Angatuba, o Projeto disponibiliza R$ 1.800.000,00; para a APAE (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais), R$ R$ 65 mil; para o Retiro dos Pobres de Santo Antonio, R$ 25 mil; para a Casa da Criança Elisa Verardi, R$ 60 mil; para a FADA (Fraternidade de Ajuda aos Dependentes de Drogas de Angatuba), R$ 15 mil.

Por sua vez, o Projeto de Lei 002 repassa para cada uma das duas escolas de samba de Angatuba, Liberdade e Maracatu, R$ 20 mil.